sábado, 14 de janeiro de 2012

MINHAS IMPERFEIÇÕES



Eu queria que você gostasse de mim assim; caótica, distraída, perigosamente despreocupada. Irresponsável, bruta, meio despenteada, tão preocupada com coisas vagas. Bêbada, insana... Queria que você também se encantasse com minhas imperfeições, por que elas são maioria em mim. E notasse os meus trejeitos que nem vejo, e entrasse nos meus vícios para ser o maior de todos eles!

CAIO FERNANDO ABREU

Nenhum comentário: